Por que só os vivos podem ter diversão, não é? No Japão, em todo o sétimo mês do ano se celebra o Obon, um dos maiores feriados do ano no país. Mas o que é o Obon? Resumindo, é um saudável evento familiar com um toque sobrenatural. É um feriado para lembrar e celebrar a vida com as pessoas amadas.

A melhor parte? O espírito de nossos ancestrais de muito tempo atrás também podem se juntar a festa. Continue lendo para saber mais sobre o feriado de Obon e como ele é comemorado.

O que é Obon?

Obon é um feriado tradicional japonês dedicado à família e aos entes queridos do passado. É como se fosse uma mistura do Halloween e do Dia de Ação de Graças comuns na América do Norte.

As famílias que celebram o o Obon geralmente se reúnem em sua cidade natal, visitam os túmulos de seus ancestrais, realizam rituais e participam de festivais. Porém, nem todas as famílias seguem os mesmos costumes.

A data é celebrada de 13 a 15 de agosto na maior parte do Japão, mas algumas regiões celebram em julho, dependendo do calendário delas.

História do Obon

A verdadeira origem do Obon não é totalmente clara, mas tem mais de 500 anos de história de muita tradição budista. 

Diz a lenda que, há muito tempo, um discípulo de Buda teve uma visão de sua mãe morta. Ela estava presa no Reino dos Espiritos Famintos (diga-se de passagem: não é um lugar divertido para se estar). Então, ao oferecer comida e bebida, o discípulo libertou o espírito de sua mãe do sofrimento.

Essa história evoluiu lentamente ao longo do tempo e o significado de Obon mudou junto com ela.

Atualmente, o Obon é considerado um feriado em família para celebrar com nossos entes queridos que estão aqui e agora, vestir quimono ou yukata, desfrutar de festivais tradicionais e também comer comida de rua japonesa.

Como celebrar o Obon e os Festivais de Obon

Um conjunto místico de rituais é a base dos festivais e eventos do Obon. Primeiro, verifique os detalhes do ritual e, em seguida, veja onde você pode participar.

Rituais do Obon

  • Preparação. Antes do Obon começar, algumas famílias preparam dois enfeites para a chegada de seus ancestrais, estes enfeites são chamados de Shouryou Uma (精霊馬). Um dos enfeites é uma berinjela (que representa uma vaca) e o outro é um pepino (que representa um cavalo) com vários palitos enfiados nele. As famílias esperam que seus ancestrais voltem o mais rápido possível para casa usando o cavalo e retornem o mais lento possível para o mundo espiritual usando a vaca.
  • Boas-vindas aos ancestrais. No primeiro dia do Obon, os foliões acendem uma pequena fogueira chamada ogara (麻幹). O espírito dos familiares perdidos seguem a fumaça criada pela fogueira para retornar à terra dos vivos.
  • Visita ao túmulo. A maioria das famílias reserva algum tempo para visitar os túmulos de familiares e prestar homenagem. Limpar as pedras, trazer o lanche ou o saquê favorito de um membro da família e oferecer água ou flores são práticas comuns. 
  • Dando adeus. No último dia de Obon, é hora de dar adeus aos entes queridos. As famílias guiam os espíritos de seus familiares de volta ao túmulo com as tradicionais lanternas chochin (提灯). Você pode também ver lanternas flutuantes em um ritual chamado toro nagashi (灯籠流し). Ambos são frequentes e uma cena bem amável, comovente e com um toque de nostalgia.

Festivais de Obon

  • Bon Odori – Danças dos festivais de Obon. Bon Odori (盆踊り) é uma celebração imperdível que dá boas-vindas aos espíritos ancestrais. Você encontrará multidões de foliões e dançarinos em trajes tradicionais nas ruas, movendo-se ao som de tambores taiko. As danças variam de acordo com a região e proporcionam uma noite animada de entretenimento.

O mais popular destes festivais é o Gujo Odori (郡上おどり) na província de Gifu. O festival é centrado em um pequeno grupo de artistas, que realizam uma performance na qual se sentam em uma plataforma elevada no meio da cidade.

É possível desfrutar das 10 tradicionais danças Odori durante a festa, que ocorre pela cidade entre 20h e vai até o amanhecer. É um espetáculo muito emocionante, de verdade!

Lembre-se de que você estará junto de outras quase 30.000 pessoas. Há chances de estar lotado, então você terá muitas chances de falar japonês.

  • Festivais Okurubi (送り火). Okurubi são pequenas fogueiras feitas para guiar os espíritos de volta para o outro mundo. Algumas regiões do Japão acendem enormes fogueiras ao longo do mar ou das montanhas.

Confira o Kyoto Gozan no Okuribi (五山の送り火) para ver uma queimada no topo da montanha. Ou veja o Funakko Nagashi (舟っこ流し) em Iwate. No local, o nome dos mortos são escritos em um papel, que é colocado em um barco, que por sua vez é incendiado no próprio mar.

Aprenda sobre o Japão com a Go! Go! Nihon

Quer aprender mais sobre tradicionais como o Obon? Leia mais sobre cultura e sociedade japonesa em nosso blog e siga-nos no Instagram, TikTok e Facebook.