Você está vindo para o Japão, já sabe aonde estudar, completou sua aplicação para o visto e agora precisa apenas reservar seus vôos e começar a pensar em um local para morar. Mas quais são suas opções de acomodação no Japão, como se decidir e como organizar tudo isso? Bem, é aí que podemos te ajudar.

Tal como qualquer processo de mudança para um novo país, há muito o que levar em consideração ao escolher e organizar um novo lar. Entender todos os arranjos referentes ao “key money” (o quê?), depósitos, contratos, mobília e custos nas entrelinhas pode ser demorado e complicado se não souber por onde começar.

As vantagens de usar um serviço como a Go! Go! Nihon para buscar opções de acomodação no Japão são grandes e podem economizar muito do seu tempo e dinheiro.

Custo de entrada

Compreender todos os custos de entrada é um dos aspectos mais confusos e frustrantes de buscar uma acomodação. Ao alugar apartamentos japoneses e share houses, há muitas vezes alguns custos extras inesperados além do depósito. Há o key money, algo como um presente para o agente e/ou locador, um depósito e as vezes até mesmo uma taxa de inscrição. Usando um serviço como o nosso, pode-se evitar o pagamento antecipado de quase 6 meses de aluguel. Muitos dos parceiros com quem trabalhamos podem exigir uma taxa de registro, mas é somente isso, além do aluguel e dos serviços que você já normalmente esperaria pagar. Este baixo custo de entrada faz com que começar uma nova vida no Japão seja bem menos estressante.

Flexibilidade

Tentamos fechar parcerias com uma grande variedade de agências, em cada cidade onde também possuímos escolas parceiras. O que significa que oferecemos opções que estão dentro de distâncias razoáveis de onde estudará. Além disso, como estamos agindo como intermediários, não há necessidade de se preocupar com suas habilidades na língua japonesa por enquanto, nós podemos negociar ótimos acordos e descontos, além da flexibilidade em contratos para curto e longo prazo, tudo para que você possa encontrar a opção que atenda melhor às suas necessidades. Há também casas compartilhadas somente para mulheres e acomodações que podem ser mobiliadas ou não, o que quer que esteja te preocupando, fique tranquilo e conte conosco.

Opções de acomodação no Japão: Tomando nota

Share House (Casa Compartilhada) vs. Apartamento vs. Homestay

A maior decisão que você enfrentará diz respeito as várias opções de acomodação no Japão e qual atende melhor as suas necessidades, aqui listamos alguns prós e contras de cada uma.

Share House (Casa Compartilhada)

Prós – Uma vida social à sua porta de distância. Você terá seu próprio quarto, mas as instalações do banheiro, a cozinha e a sala de estar são todas compartilhadas. A experiência lhe dará a chance de se misturar com aqueles que moram com você e conhecer pessoas do mundo todo. E não se preocupe em realizar todas as tarefas domésticas, o nome não é à toa, e elas também são atividades compartilhadas.

Contras – Todos os itens acima podem também ser negativos. As pessoas nem sempre cumprem com suas responsabilidades, fazendo com que outras se sintam sobrecarregados realizando tarefas que não são delas. Você também pode ter que lidar com colegas de casa barulhentos ou imprudentes, o que pode dificultar a convivência, especialmente para aqueles que prezam por momentos de silêncio e tranquilidade em seus próprios espaços. Na maioria dos casos o convívio é amigável e muito agradável, com ótimos colegas de casa que acabam se tornando amigos para toda vida, mas vale a pena estar ciente de que, infelizmente, nem sempre todos têm essa sorte.

Apartamento

Prós – Seu próprio espaço! Você pode fazer o que bem entender e deixá-lo com sua cara. Não precisará se preocupar muito em incomodar os outros (entretanto, não se esqueça, seja solícito e respeitoso com seus vizinhos!) e ainda poderá cozinhar e fazer o que quiser, quando quiser.

Contras – Vários apartamentos no Japão, como muitos já sabem, são bem pequenos. Isso provavelmente significa que, se muito, você pode só ter seu quarto e um outro cômodo para passar o tempo. Como terá que cobrir todas as despesas, é possível que você precise encontrar uma acomodação um pouco distante da cidade para fazer valer o custo-benefício.

OBS: Nós do Go! Go! Nihon trabalhamos com apartamentos já mobiliados e com contratos de curta duração, voltados para estudantes e visitantes. Pessoas com vistos de trabalho ou de descendente (sansei, nissei, yonsei) podem também alugar apartamentos em imobiliárias japonesas. Apenas tome cuidado: eles são mais baratos no longo prazo, mas exigem contratos de 2 anos, fiador, japonês fluente e várias taxas iniciais.

Homestay

Prós – Uma profunda imersão no cotidiano japonês, no dia a dia de famílias japonesas, e a oportunidade perfeita para um compreendimento ainda maior da cultura que você tanto ama. Essa opção permite ainda a vivência de experiências que você pode até nem imaginar. O homestay é também uma excelente escolha para quem costuma sentir muita saudade de casa. Ter uma família ao seu lado, cuidando de você, pode dar segurança e conforto quando sentir falta do seu lar.

Contras – Ao escolher se hospedar sob o teto de outras pessoas, deverá agir de acordo com suas regras. Entre outras coisas, isso pode significar que você precisará estar em casa em horários marcados para o jantar e não poderá ir e vir como bem entender, pois pode parecer rude e mal educado. Se você gosta de ter mais independência, essa pode não ser a melhor das opções de acomodação no Japão para você.

Agora que sabe um pouco mais por onde começar ao considerar as opções de acomodação no Japão, por que não nos deixa ajudar a se estabelecer? É muito mais tranquilo, além de ser uma das maneiras mais baratas de viver em Tokyo e outras cidades. Confira nossa página de acomodações para encontrar o seu novo lar.

Se você gostaria de saber ainda mais sobre a vida no Japão, certifique-se de acompanhar nosso blog, onde cobrimos tudo que você precisa saber sobre o Japão!