Uma passada em um izakaya japonês é obrigatória se você estiver visitando o Japão e, provavelmente, uma parte de seu cotidiano se estiver morando no país. Mesmo que você não beba, é um ótimo lugar para conhecer pessoas novas, compartilhar histórias com pessoas mais velhas e saborear deliciosas comidas enquanto relaxa. Mas o que é exatamente um izakaya?

O izakaya japonês é equivalente a um pub britânico ou americano, mas é claro que os japoneses fazem as coisas do seu próprio jeito. É incomum no Japão apenas beber, então comer algo junto é algo bastante inteligente.

Em qualquer izakaya existe uma variedade de bebidas e pratos pequenos e baratos para pedir enquanto passa a noite.

Yakitori

Encontre seu gosto pelo cardápio

Os izakaya fazem parte da cultura japonesa há bastante tempo, possuindo locais mais tradicionais e outros com uma pegada mais moderna. Na maioria dos casos, uma das maiores diferenças será na forma como o cardápio é apresentado. Lugares mais antigos listarão todo o menu nas paredes, geralmente em tábuas de madeira penduradas, com o preço em ideogramas japoneses, não em numerais romanos. Os mais modernos terão cardápios com fotos dos pratos impressas ou até mesmo tablets na mesa, com os quais você pode fazer o pedido, sem precisar chamar o garçom. Se quiser uma experiência mais tradicional, vá para os lugares menores e mais antigos, mas lembre-se de aprimorar suas habilidades de leitura de cardápio, caso contrário, pode acabar com pratos estranhos que realmente não queria experimentar.

Agora, falando da comida dos izakaya japoneses. Como já mencionamos, a maioria dos pratos é pequeno e de fácil preparo. Eles podem ser consumidos durante a noite. Os japoneses gostam de usar todas as partes de um animal e isso se mostra óbvio em um izakaya. Yakitori é a principal comida disponível, além de outras partes grelhadas do frango, como pele, coração e a cartilagem. Portanto, se não quiser se aventurar muito, tenha cuidado. Abaixo temos uma lista de partes do yakitori para ajudá-lo.

  • momo (もも), coxa
  • hasami (はさみ), moela
  • sasami (ささみ), peito
  • negima (ねぎま), frango e cebolinha
  • tsukune (つくね), almôndegas de frango
  • (tori) kawa ((とり)かわ), pele de frango grelhada e crocante
  • tebasaki (手羽先), asa de frango
  • bonjiri (ぼんじり), cauda de galinha
  • shiro (シロ), intestino do frango
  • nankotsu (なんこつ), cartilagem do frango
  • hāto / hatsu (ハート / ハツ) ou kokoro (こころ), coraçãozinho
  • rebā (レバー), fígado

No entanto, não tem apenas yakitori. Tem também outros tipos de kushiyaki com outras carnes, mas também há muitos legumes grelhados. Há também edamame, tofukaraagesashimi, etc. Há muitas opções que variam de izakaya para izakaya.

Para os mais ousados como vocês, tem também lojas mais antigas com comidas bem interessantes, como pernas de insetos e sapos, comidas conhecidas como getemono. Hanbey é um izakaya bem interessante para arriscar, porque eles tem cardápio em inglês para que você saiba o que está escolhendo.

Preço

Apesar de depender do local, pela essência da comida do izakaya, a maioria dos pratos são baratos e variam entre 60 e 300 ienes. Há lojas que têm preços fixos para cada item do cardápio (comida e bebida) por volta de 300 a 350 ienes. É importante ter isso em mente caso não saiba se vai comer e beber muito, porque, dependendo da quantidade, pode não valer a pena. Muitos izakaya também terão uma taxa de assento entre 200 e 500 ienes por pessoa ou um prato de aperitivo obrigatório que será cobrado do cliente. As lojas não costumam contar estes detalhes, então fique em alerta e verifique se há taxas específicas antes de entrar em um lugar, pois há ainda a possibilidade de ser cobrado se mudar de ideia depois de se sentar.

Tabehoudai Nominoudai

Aproveitando o máximo

Os japoneses são conhecidos mundialmente por serem eficientes. Portanto, há uma maneira eficiente de aproveitar a comida e bebida. Com longas horas de trabalho no escritório e o último trem para casa saindo à meia-noite, muitos desejam aproveitar ao máximo as suas duas horas de socialização e relaxamento em um izakaya. A melhor maneira de aproveitar é com um tabehodai (食べ放題) e nomihodai (飲み放題). São opções em que você pode comer e beber tudo que está no cardápio. Você paga uma taxa fixa por pessoa e para um período de uma hora e meia ou duas horas, podendo pedir tudo que quiser durante o período. É a melhor opção para quando você está com muitas pessoas.

No entanto, existem limitações nas ofertas de tabehodai e nomihodai. O cardápio disponível pode ser um tanto restrito e os funcionários da loja podem trabalhar mais lentamente até levar a comida para a mesa, especialmente bebidas. Se ainda não optar pelo tabehodai, junto do nomihodai, pode ser necessário pedir pelo menos um prato para cada pessoa, além das bebidas. Também há uma restrição que pede que todos os grupo participem. Na maioria das vezes não é ruim, pois mesmo que uma pessoa beba somente refrigerante, eles podem sair bem caros.

Apesar de existir uma cultura de se beber no Japão, os japoneses bebem menos à noite em relação aos europeus e americanos. Em alguns izakaya, os funcionários são pegos de surpresa com a quantidade de pedidos dos clientes estrangeiros. Assim sendo, os preços são normalmente bons o suficiente para que o custo compense. Uma bebida normal custa de 600 a 800 ienes, enquanto o nomihodai de duas horas custa 2000 ienes. Não demora muito até as contas se equilibrarem. No caso do tabehodai é um pouco diferente e mais direto. As restrições são, muitas vezes, nos pratos disponíveis (é improvável que pratos como lamen estejam disponíveis em um tabehodai).

Por fim, o último aviso é a idade mínima para beber. No Japão, você não pode beber se tiver menos de 20 anos. Pode não ser uma novidade para muitos, mas é preciso ter cuidado, porque você pode não conseguir beber em restaurantes no Japão, embora possa beber em casa.

Agora você já deve ter entendido como aproveitar ao máximos os izakaya do Japão e poderá se aventurar neles quando estiver no país.

Para mais informações sobre a vida no Japão siga o blog da Go! Go! Nihon.