Como encontrar ajuda: saúde mental no Japão

Tempo de leitura: 5 minutos

Se você está tendo dificuldades e precisa de ajuda profissional, entre em contato com Yorisoi (em português) ou com a TELL (em inglês) e fale com um de seus conselheiros. Você pode ligar para a TELL pelo número 03-5774-0992, disponível de segunda à quinta das 9 às 23, e de sexta à domingo das 9 às 2 da madrugada.


Viver e estudar no Japão pode ser uma experiência intensa. Além de uma pesada agenda de estudos, você também está se adaptando a um novo modo de vida, a uma cultura totalmente diferente e a um idioma desconhecido. Isso pode acabar sendo estressante, por isso é importante ter apoio com a sua saúde mental no Japão.

Reunimos alguns recursos para caso você precise de um apoio com sua saúde mental enquanto estiver morando no Japão. Reconhecemos que as necessidades de saúde mental são extremamente pessoais e complexas, e esperamos que as informações contidas neste artigo sejam úteis de alguma forma para aqueles que procuram apoio.

Introdução aos serviços de saúde mental no Japão

O atendimento profissional de saúde mental no Japão é feito através de psicólogos e psiquiatras. Os psicólogos (shinrigakusha 心理学者) oferecem serviços de aconselhamento, mas não podem prescrever medicamentos. Os psiquiatras (seishinkai 精神科医) são especializados no tratamento de vários problemas de saúde mental e podem prescrever medicação. 

Serviços psiquiátricos são geralmente cobertos pelo Seguro Nacional de Saúde, mas o aconselhamento não está coberto. Recomendamos sempre checar antes com seu serviço de saúde escolhido.

Há também outra área de tratamento de saúde mental chamada medicina psicossomática, (shinshinigaku 心身医学). Médicos especializados nesta área tratam de questões físicas trazidas pelo estresse psicológico. Seus cuidados são geralmente cobertos pelo Seguro Nacional de Saúde. .

Person looking out over Shibuya crossing

Acesso ao suporte de saúde mental no Japão 

Fazer uma consulta com um psicólogo ou psiquiatra pode ser constrangedor e caro para estudantes internacionais. Poucas clínicas oferecem serviços em outros idiomas além do japonês e, se você estiver morando em uma pequena cidade ou área rural, será difícil encontrar um médico que possa ajudá-lo em seu idioma nativo.

É nisso que serviços como o Tokyo English Life Line (TELL) podem ajudar. A TELL se dedica a apoiar a saúde mental da comunidade internacional do Japão através de suas Linhas de Crise e serviços de aconselhamento. Você pode acessar os serviços da TELL em qualquer lugar do Japão através da opção de terapia online. Todos os funcionários da TELL falam inglês, e alguns falam outros idiomas também.

Você terá o anonimato e o espaço para falar sobre qualquer assunto, não importa onde você esteja no país. Saiba mais sobre a TELL em seu site.

Um serviço semelhante com um foco mais amplo é a Linha de Ajuda Yorisoi para Estrangeiros. Além de seu serviço de aconselhamento, ela oferece ajuda para questões de vistos, questões familiares e de trabalho, violência doméstica e muito mais. Tudo isso em vários idiomas, incluindo português! Saiba mais aqui.

Se você está procurando por serviços de psicologia ou psiquiatria e tem dinheiro para pagar por isso, tente a Tokyo Mental Health. Eles oferecem aconselhamento, terapia, avaliação psicológica e serviços psiquiátricos em inglês. Você pode marcar uma consulta on-line, ou uma consulta presencial se estiver localizado em Tóquio e Okinawa. Esteja ciente de que eles não aceitam o Seguro Nacional de Saúde.

Você também pode acessar o International Mental Health Professionals Japan Directory para obter uma lista de profissionais de saúde mental no Japão que oferecem serviços em outros idiomas além do japonês.

Aplicativos de saúde mental e aconselhamento online

Você pode acessar plataformas de aconselhamento online como BetterHelp e Talkspace do Japão. Estas são empresas líderes em terapia online que possuem terapeutas licenciados. Pode ser uma alternativa mais acessível e conveniente do que visitar uma clínica no Japão.

Se você preferir auto-gerenciar suas necessidades de saúde mental, os aplicativos são uma ótima opção. Há uma variedade de aplicativos gratuitos e pagos disponíveis para atender a muitas necessidades de saúde mental. Por exemplo, Moodfit é um aplicativo gratuito que ajuda você a acompanhar seu estado de espírito para que possa entender melhor seus sentimentos. Headspace é um aplicativo pago que ajuda com meditação e mindfulness para ajudar com o estresse, o sono e o bem-estar mental em geral.

Outros aplicativos populares de apoio à saúde mental:

  • Moodkit – utiliza os princípios e técnicas da Terapia de Comportamento Cognitivo para ajudar a melhorar seu humor.
  • notOK – um aplicativo de prevenção de suicídio pré-crise que permite que seus amigos, família e rede de apoio escolhida saibam que você precisa de ajuda quando você aperta o botão de alerta do aplicativo. Também apresenta recursos como suporte de respiração, uma Linha de Crise via texto, e muito mais.
  • Mindshift – projetado especificamente para jovens com ansiedade.
  • Ten Percent Happier – apresenta uma enorme biblioteca de meditações guiadas sobre uma gama de diferentes tópicos.

Mental health podcasts on a phone

Podcasts

Há uma enorme variedade de podcasts de saúde mental disponíveis que podem ajudá-lo a compreender melhor seus próprios desafios. Eles não são um substituto para o diagnóstico e cuidados profissionais, se é disso que você precisa. Entretanto, eles oferecem uma maneira acessível de aprender mais sobre questões de saúde mental, como praticar o autocuidado e métodos de gerenciamento.

Alguns podcasts populares sobre saúde mental:

  • Liga/Desliga – A versão brasileira do podcast “Wake Up, Wind Down”, é um programa de meditação com dois tipos de programas: os “Liga”, para você acordar energizado, e os “Desliga”, para relaxar e finalizar o dia antes de ir dormir.
  • Estamos bem? – Um programa semanal onde os apresentadores exploram temos de auto-conhecimento, como carência, arrependimento, saudades, etc.
  • The Mental Illness Happy Hour – Um programa semanal em inglês onde os convidados falam sobre saúde mental, trauma, vícios e pensamentos negativos, buscando entender e desestigmatizar estes temas, trazendo conforto ao ouvinte.
  • Meu Inconsciente Coletivo –  A escritora e colunista da Folha, Tati Bernardi, faz um podcast onde aborda temas recorrentes em suas sessões de terapia, como ciúmes, crise de pânico, depressão, síndrome do impostor, etc.
  • Meditação Guiada – Programas de meditação guiada, com cerca de 15 minutos cada. Um momento para praticar o equilíbrio emocional e autoconhecimento.
  • Desestresse – Um podcast de entrevistas com profissionais da saúde, trazendo dicas práticas para melhor sua saúde física e mental.
  • The Hilarious World of Depression – um programa em inglês de conversas com comediantes que tem ou tiveram depressão, explicando como lidam com a questão e riem das experiências que tiveram.

Mantenha o contato social

Se você está experimentando a solidão enquanto estuda no Japão, saiba que você não é o único. É uma experiência comum sentir-se fora do lugar ou com saudades de casa. É importante ter uma rede de apoio ao seu redor e bons amigos com os quais você possa interagir. 

Sabemos como pode ser difícil encontrar amigos quando você se muda para o Japão pela primeira vez, por isso elaboramos um artigo sobre onde fazer amigos no Japão.

Embora não possamos oferecer suporte profissional de saúde mental, estamos empenhados em ajudar os estudantes o máximo possível a viverem suas melhores vidas enquanto estudam no Japão. Você sempre pode entrar em contato com a equipe da Go! Go! Nihon para tirar dúvidas e pedir orientações.

Compartilhe este artigo

Go! Go! Nihon

Artigos relacionados