Sol, areia e cultura: venha aprender japonês em Okinawa

Tempo de leitura: 5 minutos

Águas claras de cor azul-turquesa e praias de areia branca não são as primeiras imagens que vem à mente quando pensamos em Japão. Mas, localizada a sudoeste da ilha principal do Japão fica a tropical e pitoresca ilha de Okinawa (Okinawa Hontō) 沖縄本島. Com sua beleza natural e rica herança, esta ilha oferece o melhor em termos de sol, areia, mar e cultura do Japão.

Neste artigo, você aprenderá mais sobre a história da ilha principal da província de Okinawa (Okinawa-ken 沖縄県), as melhores coisas para ver e fazer lá, a famosa culinária local e os motivos de gostar da província para querer aprender japonês em Okinawa.

Breve história de Okinawa

A ilha de Okinawa é a menor e menos povoada das cinco principais ilhas do Japão, mas tem uma história que remonta aos tempos pré-históricos. Os primeiros habitantes de Okinawa eram pescadores, caçadores e coletores, tornando-se também agricultores à medida que a terra se desenvolvia.

No século XV, Okinawa fazia parte do Reino de Ryūkyū (ryūkyū ōkoku 琉球王国) que ficou separado do Japão por mais de 400 anos. Durante este tempo, o comércio internacional floresceu na região, levando a uma interessante mistura de influências culturais de outros países asiáticos. O reino foi anexado pelo Japão em 1609 e deixou de existir em 1879.

Okinawa foi devastada durante a Segunda Guerra Mundial e esteve sob o controle dos Estados Unidos de 1945 a 1972. No entanto, a presença militar dos EUA nunca realmente deixou de existir – hoje, ainda existem mais de 30 bases militares dos EUA na província de Okinawa.

No século 21, Okinawa é reconhecida por sua beleza natural e valor ecológico, atraindo visitantes e pesquisadores de perto e de longe para suas costas subtropicais.

Coisas para ver e fazer

Como mencionado, algumas das principais atrações de Okinawa são suas belas praias – a própria província tem 160 ilhas! Mas isso não é tudo o que a região oferece – vamos dar uma olhada em algumas das principais coisas para ver e fazer na ilha de Okinawa.

Image of turquoise blue sea water at a beach

Passeio na praia e ilha

Embora a ilha de Okinawa não seja considerada a com as melhores praias da província, você encontrará belas praias para relaxar e nadar. Adicione um pouco de snorkel ou stand up paddle e você vai se apaixonar pelas águas mornas e cristalinas e o ambiente marinho deslumbrante. É a maneira perfeita de relaxar após uma semana difícil aprendendo japonês em Okinawa!

Algumas praias muito bem cotadas na ilha principal são Manza 万座ビーチ, Araha アラハビーチ e Emerald エメラルドビーチ.

Da ilha principal você pode pegar um barco e visitar as ilhas menores próximas, como a Ilha Zamami (Zamami jima 座間味島), a isolada Ilha Aka (Aka jima 阿嘉島) e Ilha Sesoko (Sesoko jima 瀬底島), conectada à ilha principal por uma ponte.

Ruínas de castelos

Existem várias ruínas de castelos em Okinawa, lembranças da cultura única que se desenvolveu nesta área graças ao fato de ser um país separado do Japão até o século XIX.

Algumas localizações notáveis incluem:

  • Shurijō 首里城 – Shuri era a antiga capital do Reino de Ryūkyū e o castelo era o centro administrativo e residência dos reis do reino.
  • Nakajinjōato 今帰仁城跡 – localizado no extremo norte da ilha e um Patrimônio Mundial da UNESCO. Foi construído em 1200 e é um cenário popular para ver as flores de cerejeira na primavera.
  • Nakagusuku 中城城跡 – castelo bem preservado que permanece com uma bela paisagem da área ao redor.

Museu e Museu de Arte da Província de Okinawa

O museu (Okinawa kenritsu hakubutsukan 沖縄県立博物館) aborda a história, cultura, tradição e arte de Okinawa. É um ótimo lugar para quem quer aprender mais sobre a região.

Kokusaidōri 国際通り

Esta é a principal rua comercial de Naha (Naha-shi 那覇市), a capital da província de Okinawa. É uma experiência de compras deslumbrante, na qual você encontrará muitos lugares abertos até tarde, música ao vivo em restaurantes e muitas lojas, bares e restaurantes diferentes.

Parque Memorial da Paz da Província de Okinawa 

Em 1945, mais de 100.000 solados japoneses e 12.000 soldados americanos foram mortos na Batalha de Okinawa. Atualmente, um parque memorial da paz (Okinawa heiwa kinen kōen 沖縄平和祈念公園) existe no local onde a batalha terminou, com um museu, um Buda de 12 metros de altura representando a paz e monumentos que lembram a vida daqueles que morreram.

Culinária local

Graças às influências de outros países próximos, a culinária de Okinawa tem seus próprios sabores únicos que a tornam altamente distinta de outros tipos de comida japonesa. Aqui está apenas uma seleção de alguns dos pratos mais conhecidos que você deve experimentar quando aprender japonês em Okinawa.

goya champuru

Gōya champuru ゴーヤチャンプル

Se você nunca experimentou melão amargo, é possível que você odeie este prato de início, já que o melão amargo (gōya ゴーヤ) é o principal componente. Mas, dê uma chance! Afinal, é o prato que representa Okinawa. O melão amargo é frito com barriga de porco, ovo e tofu, além de um molho de soja e dashi (caldo de sopa geralmente feito de peixe e algas).

Existem outros tipos de champuru, ou pratos salteados em Okinawa, se você realmente não suporta o melão amargo. Alguns outros ingredientes incluem brotos de feijão, peixe, carne e Spam.

Okinawa soba 沖縄そば

Apesar do nome, o soba de Okinawa não tem macarrão de trigo sarraceno. Em vez disso, o macarrão se assemelha ao udon, pois ele é feito de farinha, trigo e ovo. O prato combina o macarrão com caldo de porco, dashi, barriga de porco e algumas outras misturas. Então, de muitas maneiras, é como uma combinação de udon e ramen!

Beni imo 紅芋

A batata-doce é encontrada em todo o Japão, mas esse tipo de batata-doce é local de Okinawa. O que há de tão especial nisso? É muito doce e com uma cor roxa marcante. Você pode encontrá-la em doces, sorvetes, bolos ou simplesmente cozida no vapor. Cheio de vitaminas, fibras e antioxidantes, o beni imo é considerado um superalimento.

Arroz taco

Arroz taco ou tako raisu タコライス foi criado em 1984 por um dono de restaurante japonês que queria criar uma refeição que fosse recheada e apreciada pelos militares americanos em Okinawa. Ele combinou os recheios de um taco com arroz cozido no vapor. O prato rapidamente se tornou popular.

Embora não seja o que algumas pessoas chamam de comida japonesa “autêntica”, o arroz taco representa uma parte importante da cultura de Okinawa que mistura diferentes culturas e influências.

Rafutē ラフテー

A carne de porco é famosa em Okinawa e imperdível para quem come carne de porco. Derivado da carne de porco assada chinesa, esta carne de Okinawa apresenta barriga de porco assada em açúcar preto, molho de soja e licor destilado. Este licor é chamado awamori 泡盛 e é exclusivo de Okinawa.

Okinawa infographic in Portuguese

Motivos para aprender japonês em Okinawa

Com suas diversas influências culturais e sua beleza natural, a ilha de Okinawa é um dos lugares mais impressionantes e únicos para aprender japonês no Japão.

É perfeito se você ama ar livre e clima quente, e é um lugar ideal para estudantes, já que o aluguel e o custo de vida geralmente são mais baixos comparado com outras regiões do Japão.

Nossa escola parceira ICLC Okinawa Japanese Language School é a escola de língua japonesa mais antiga de Okinawa. Localizada perto do Aeroporto de Naha e a apenas 5 minutos a pé da estação de trem mais próxima, esta escola recebe estudantes de todo o mundo, ajudando-os a aprender japonês e, ao mesmo tempo, vivenciando experiências culturais inesquecíveis. Venha aprender japonês em Okinawa!

Entre em contato conosco para saber mais sobre esta escola ou para obter mais informações sobre como morar e estudar no Japão.

Compartilhe este artigo

Go! Go! Nihon

Artigos relacionados